Férias pelo Mundo

Turismo, diversão, comportamento! Também um pouco de cinema e história

Categoria: Onde se hospedar (Página 1 de 2)

O que acontece em Vegas...

O que acontece em Vegas…

nem sempre fica em Vegas!!! E eu estou me referindo especificamente ao casamento!

Não é por nada que Las Vegas é conhecida como a capital mundial do casamento: anualmente, 100.000 pessoas trocam alianças aqui.  E ao contrário do que muitos pensam, o casamento é válido não somente nos Estados Unidos, como no resto do mundo.

Capela de casamentos em Las Vegas

O motivo para tantos casais escolherem casar ou apenas renovar os votos em Las Vegas é o fato de ser muito fácil. Para conseguir a licença, o casal deve ter 18 anos, não ter sido casado anteriormente ou provar o divórcio ou viuvez. Uma solicitação de licença pode ser pedida por email. Para pegá-la, o casal deve comparecer pessoalmente no mesmo dia.

Brasileiros podem casar apresentando RG ou Carteira de motorista emitida no Brasil.

Além disso não é exigido teste de sangue, como no resto dos Estados Unidos, e o custo é baixo: USD 77,00. Casais homoafetivos passam pelo mesmo processo.

Talvez pela facilidade da licença ou porque muitos famosos se casarem em Las Vegas, ou a combinação desses dois fatores, ou ainda quem sabe porque esse é o lugar em que toda loucura é permitida… pronto! Entrei num território bem complicado psicologicamente.

Ler mais

Tarzan escandinavo

Uma coisa é fazer do sonho da casa na árvore, um hotel. Outra coisa é o que os suecos podem fazer com essa idéia.

Não existe nenhum outro hotel no mundo igual ao Treehotel e ainda que os mesmos donos e os mesmo designers tentassem, nada se igualaria à perfeita harmonia das casas/quarto-na-árvore com a floresta que o cerca. Inspirado no filme “The Tree Lover” do sueco Jonas Selberg Augustsen, que conta a história da construção de uma casa na árvore na região norte da Suécia para que servir de refúgio de qualquer resquício de metrópole, o Treehotel consegue esse feito de maneira magistral.

Quem escolhe se hospedar no TreeHouse está escolhendo um conceito: aproveitar as atividades próprias da estação como mountain bike, caminhadas, ski, e observar as luzes da aurora boreal, sem agredir a natureza. São 7 casas/quartos, cada um com um design inesperado.

The Cabin

The Cabin é como uma cápsula, um corpo estranho entre as árvores

A localização desta casa na árvore foi baseada na idéia de criar uma plataforma alta na colina com vista para o vale do rio Lule

O apartamento tem 24m² e acomoda duas pessoas com uma cama de de casal, banheiro e terraço

A grande janela serve para dar uma vista personalizada entre as árvores

Ler mais

Quando a casa da árvore é um hotel…

Quem nunca quis ter uma casa na árvore como a Família Robinson? Esse antigo misto de aventura e aconchego em um lugar completamente diferente do convencional habita o imaginário de 9 em cada 10 crianças. E se a casa na árvore tiver ainda serviço de quarto, e for confortável como um bom hotel? Seguindo este conceito os TreeHotels, ou hotéis em casas na árvore, estão se espalhando pelo mundo.

Aqui no Brasil o Ariau Amazon Towers Hotel é um dos pioneiros. Construído em 1983, foi idealizado por Jacques Cousteau para que ficasse em completa sintonia com a natureza. São 268 quartos e suítes distribuídos em torres construídas nas árvores. O máximo é ficar na Casa do Tarzan com uma vista esplêndida para o Rio Ariau e para a floresta amazônica.

Em Neltume, Chile, o Nothofagus Hotel & Spa é uma casa de árvore de 7 andares. Melhor dizendo, um edifício na árvore. São 55 quartos vista panorâmica para o vulcão Mocho Choshuenco, na Patagônia chilena. Com 2 excelentes restaurantes, spa e piscinas aquecidas, esse é um hotel para quem curte neve e seus esportes.

Ler mais

Terraço na suite Emotion, do Hidden Hotel

Paris mon amour

Salut!

No post passado falei de um lugar paradisíaco para passar a lua de mel, Fiji, mas existem pessoas para as quais a ideia de paraíso não necessariamente precise passar por areias brancas e oceano azul cheio de peixinhos. Então aqui vai a minha sugestão de cidade romântica: Paris.

Excusez-moi se vocês pensaram que eu seria mais original, mas… para quê contestar aquilo que é uma verdade absoluta? Esta é uma das cidades mais românticas do mundo e nada supera uma baguette com queijo e vinho num fim de tarde, tendo a torre Eiffel como cenário. Vou evitar o chavão de escrever faça isso, não faça aquilo, porque Paris é uma das cidades maravilhosas que oferecem de tudo para todos. Mas vou dar uma ajuda para escolher o hotel. Fiz uma lista de 5 que eu acho super românticos.

Ler mais

A mansão mais cara do mundo está a venda.

Essa semana foi posta a venda a mansão mais cara do mundo pelo módico preço de US$ 1.1 Bi.  Trata-se da Villa Les Cèdres, que pertence atualmente a Suzanne Marnier-Lapostolle, da família do Grand Marnier.


Essa mansão fica em Saint-Jean-Cap-Ferrat, na Côte dÁzur.  Aquele pequeno trecho de praias do sul da França, banhadas pelo Mediterrâneo, um dos lugares mais lindos e interessantes para se estar durante o verão europeu.

img_7144img_7143

 

Mas além da Les Cèdres ser imponente com seus  10 quartos, salão de bailes e até mesmo uma capela, essa Mansão é a responsável por levar a aristocracia européia para St-Jean-Cap-Ferrat.  Foi por volta de 1830 que o Leopoldo II, rei da Bélgica, mandou construi-la.  A partir daí, começou a corrida por terrenos que hoje está entre os metros quadrados mais caros do mundo.  E olho vivo: na hora em que o negócio for fechado, esse pequeno vilarejo, situada entre Monaco e Nice, será alçada ao lugar mais caro do mundo.

img_7146img_7145

Eu pergunto: essa Villa será vendida facilmente?  Provavelmente não, mas acho que a Suzane não precisa desse dinheiro com urgência, então ela vai esperar chegar nesse valor mesmo.  Ela disse que quer uma propriedade menor, por isso vai se desfazer da Les Cèdres.

O comprador de Les Cèdres terá como vizinhos entre outros: Paul Allen o co-fundador da Microsoft,  Andrew Lloy-Weber e Boris Berezosky, o bilionário Russo.

img_7147

Para quem quiser se hospedar e St.Jean-Cap-Ferrat recomendo o Grand Hôtel du Cap-Ferrat da cadeia Four Seasons.

 

Página 1 de 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén