Esse post é uma homenagem a um dos musicais mais bonitos da história. Em 11 de maio, Cats completou 35 anos de sua estréia em Londres.

_919993_cats_lloyd_webber300_ap

Andrew Lloyd Weber

O compositor inglês Andrew LLoyd Webber se inspirou num livro de sua infância: Old Possum’s Book of Practical Cats, de T.S. Eliot para criar sua obra que conta a história de um grupo de gatos, Jellicle Cats, na noite em que fazem a escolha de qual entre eles poderá ascender a uma outra esfera e retornar numa nova vida.

Cats-Touring-production-2

Ao contrário de outros musicais, Cats não possui falas, apenas música e dança. O cenário, um amontoado de sucata não muda. Porém o movimento dos personagens é intenso nas 12 entradas do palco.

Cats

Em 1982 a produção estreou na Broadway, onde ganhou 7 Tonys e ficou em cartaz por 18 anos.

Em 2002, após 21 anos, a produção fez seu último espetáculo em Londres. Nessa noite 200 atores que participaram do show durante anos se reuniram no palco para se despedir. Mas esse não foi o fim dos gatos. Em 2014 o musical foi remontado e apresentado por 12 semanas em Londres. O sucesso do retorno foi tão grande que novas produções foram anunciadas em Londres, Paris, Austrália e Nova Zelandia.

Além do filme, Cats ganhou versões em mais de 20 línguas e já foi apresentado em diversas partes do mundo. Uma das mais conhecidas composições é Memory, que você clica no link abaixo para ouvir.

Enjoy!